Chegamos! E agora?

28/06/2022 09:55

Em julho iniciam grupos em Psicologia Escolar e Educacional voltados a estudantes indígenas da UFSC Fpolis, que entraram após a pandemia do COVID 19 pandemia (de 2020.1 a 2022.1).

O objetivo dos grupos é conhecer como está sendo sua vivência na UFSC (desafios, expectativas, descobertas, integração e adaptação ao ambiente universitário). O Grupo acontecerá no espaço do SAPSI – Serviço de Apoio Psicológico e será orientado pela Profa Dra Denise Cord.

As Inscrições para o projeto “Chegamos! E Agora?” 💁🏽‍♀️🤷🏻‍♂️ vão até 06 de julho de2022, pelo link 🔅https://forms.gle/tk2JdT7KF2xaXNZF9 

 

Curitiblack e os Contos Africanos

22/06/2022 13:41

Curitiblack é um coletivo destinado à valorização da cultura e presença negras no espaço acadêmico e na sociedade, criado em 2020, no campus Curitibanos da UFSC.

Em menos de dois anos de existência o grupo tem articulado muitas ações entre estudantes, docentes, TAEs e comunidade em geral. Especialmente por meio das mídias sociais, o coletivo tem trazido conhecimento e informação afrocentrada e antiracista com protagonismo estudantil.

O mais recente projeto é o Projeto “Nossos Griots: Contos Africanos” (Saiba mais aqui.) e a primeira convidada do projeto e a Vovó Cici. 

 Nancy de Souza e Silva, Vovó Cici, Ebômi do ilê Axé Opô Aganju, Lauro de Freitas – BA, tem 82 anos. É natural do Rio de Janeiro, mas mora em Salvador há 51 anos. Em 2022, recebeu o título de Cidadã Soteropolitana. Ela é letrada em cultura afrodiaspórica, propriedades medicinais das plantas e magias dos cantos que despertam as propriedades das folhas. Está associada à fundação Espaço Cultural Pierre Verger. Vovó Cici é um verdadeiro patrimônio cultural afro-brasileiro. É a ponte que liga os conhecimentos ancestrais com a juventude.

Assista, clicando aqui

A COEMA-SAAD reitera a importância do Curitiblack para a UFSC antiracista e deseja vida longa ao grupo de Curitibanos!!